Páginas

quinta-feira, 19 de julho de 2007

Em memória à Educação Física

Não pude conter minha indignação ao assistir um programa de televisão apresentado e produzido pela emissora norte americana MTV.
O programa se tratava de uma tarefa, que uma equipe era encarregada de deixar uma moça que estava acima do peso considerado ideal pelos padrões de beleza e saúde dentro do peso ideal para ser a "Rainha do Baile" da universidade.
Comecei a assistir, pois como profissional da área da saúde gostaria de ver como a tarefa seria realizada e se obeteriam sucesso.
Logo ao começar o programa de exercícios notava-se que era algo exagerado pra uma iniciante. Toda atividade física deve ser prazerosa para incentivar a sua prática, e não extenuante, desestimulante. Como profissional de educação física, não posso receitar dietas, mas meu conhecimento sobre o assunto já é suficiente para saber que a rígida dieta que foi prescrita para a garota não ajudaria em nada a conseguir alcançar o objetivo de emagrecer para ser a escolhida como a "rainha do baile".
Logo minhas percepções se mostraram verdadeiras: No terceiro dia de dieta e exercícios a garota estava completamente perturbada por não estar comendo, e cansada pela dose elevada dos exercícios.
É necessário um acompanhamento psicológico para quem está tentando perder muitos quilos extras, além de tempo para se acostumar com a rotina de exercícios e com a nova dieta.
A pessoa precisa ter um motivo a longo prazo para se motivar o suficiente para perder peso, e não adianta querer perder peso para entrar no vestido de noiva, porque na hora até consegue-se atingir o objetivo, mas depois se está fadado a ganhar esses quilinhos extras novamente! Claro que se houver estímulo suficiente pode-se conseguir manter o peso.

Enfim, me entristece ver como os próprios profissionais de educação física desestimulam a sua prática. E isso aparece na TV como se a participante do programa não tivesse condições de praticar atividades ou fazer aderir à uma dieta, enquanto os culpados foram os que não souberam lhe prescrevera dieta e as atividades corretas!

Nenhum comentário:

Quem sou eu

Minha foto
Diadema, São Paulo, Brazil
quem sou eu para falar de mim? A pessoa que melhor me conhece, portanto poderia falar muito, mas vou deixar que este teste de personalidade fale por mim: Características desta pessoa: Sua ética é implacável e ela exige dos outros o mesmo comprometimento. Por isto ela é sempre procurada quando se precisa de pessoas confiáveis e comprometidas. Como é muito amistosa e com iniciativa para alcançar resultados e possui grande capacidade de influência, dificilmente corre de um desafio perdendo pela falta de seletividade e assumindo mais do que deveria. É participativa, auto-confiante, inquisitiva, imaginativa, factual, consistente e um tanto quanto convencional e auto-disciplinada. Atividade, mobilidade, flexibilidade, variedade e ritmo deverão ser, também, características desta pessoa.

Arquivo do blog